sábado, 26 de setembro de 2009

O tempo

Contar o tempo agora é meio errado já que o nosso tempo já esta acabando. Temos que aproveitá-lo e conhecer, o que depois não vai ter a mínima importância quando o tempo finalmente acabar...
Existem pessoas que não dão a mínima pro tempo...e acham que o mas fácil e aniquilar a vida que á dentro de si...
Essas são as pessoas que cresceram tendo uma vida fácil, mais quando a vida ficou um pouco difícil, procuraram o caminho mas fácil, se matando e deixando o maldito tempo pra traz...
A velhice pra todos é uma maldição onde rostinhos bonitos perdem o brilho de antes...onde nem os botox dão jeito mas...
Quero me excluir desses todos, e quero vê na velhice o melhor da vida...pois enfim venci o tempo. Cheguei no meu máximo...mesmo não estando com aparência de antes.
Ainda estou longe da pele enrugada...mas talvez possa ser só uma impressão minha...Porque o tempo não para.


Somos todos um mistério...querendo desvendar mistérios.

domingo, 20 de setembro de 2009

Ah...criação!


- Ah… criação! 
- Minha obra de arte. Meu trabalho vivo. Minha melhor realização. 
- Homens-bomba, padres pedófilos, empresários corruptos, atendentes de telemarketing…

...

Sem ideais, sem cores, sem luz, sem sorriso... sem ninguém em mundo cheio de gente. Os dias repetitivos, as semanas, os meses, o ano muda não sei como mas muda um pouco essa rotina... hoje é domingo e como deu pra percebe estou um tédio só, já me acostumei com ele...mentira...não me conformo com ele com esse tédio maldito, mas o que posso fazer se quem manda na minha vida ainda não sou eu...hunf. Nada de bom pra postar... além do que já postei antes desse. Vou mudar o rumo disso tudo, talvez até exclua esse. Não, não vou exclui-lo vai fica ai, onde esta, do jeito que esta. Talvez faça outro...sim outro, aqui falo o que penso e no outro das coisas que eu gosto... não esclareço o que penso neste pra não me expor tanto...mas acabo me expondo, então deixa... Ah...teve uma coisa interessante essa semana que me deixou de cabelo em pé. Aquele ser não identificado encontrado em Cerro Azul, no Panamá que acham que é um "ET"... Nossa o que será aquilo? Só que um bando de anta medroso matou a paulada, hunf... Puts, se eu visse aquilo na minha frente o máximo que eu faria é cai durinha no chão... o.o É realmente estranho e me assusta... ...

Maldito olhar...

Essa luz mergulha naqueles olhos e ilumina a sua alma... E eu a vejo. Apesar do medo de olha-la, algo encantador... assustador... a nela, um pedaço do inferno dentro daquele olhar. O medo de olha-lo e a vontade de fugir... o encanto ao mesmo tempo o assombro, e sem tocar em mim estou presa , pois é, o assombro daquele olhar que me prende, que me afoga nesse olhar, e que me mata... E tem algo errado em mim e tem algo errado nele. E também não a nada certo nos outros, que não sabem mais aonde estou, pois aqui não á mais eu, eu me perdi naquele olhar e morri nele...

sexta-feira, 4 de setembro de 2009

Torniquete

Ela é feita de cabelos e ossos e pequenos dentes E acho que não posso falar Ela vem como um brinquedo aleijado Sua espinha é apenas uma corda Eu prendo todo nosso amor nessa chapa Prata firme como pernas de aranha Eu nunca quis que isso se arruinasse Mas moscas botarão seus ovos. Jogue seu ódio em mim Faça da sua vítima a minha cabeça Você nunca acreditará em mim Eu sou seu torniquete Síntese protética e borboleta Selado com costuras de virgens Se dói querida, por favor me diga Preserve sua inocência Eu prendo todo nosso amor nessa chapa Prata firme como pernas de aranha Eu nunca quis que isso se arruinasse Mas moscas botarão seus ovos. Jogue seu ódio em mim Faça da sua vítima a minha cabeça Você nunca acreditará em mim Eu sou seu torniquete Jogue seu ódio em mim Faça da sua vítima a minha cabeça Você nunca acreditará em mim Eu sou seu torniquete [Marilyn Manson]

Bem vindos!

Se entendeu é porque era pra entender,
Se não entendeu é porque não era pra você ter entendido ...